.

.

.

8 de dezembro de 2010

.

http://1.bp.blogspot.com/_7ezYe6jdKo8/TP8iC_cIzqI/AAAAAAAABUM/OfYRnxbPMVo/s1600/era.jpg
Criei-me entre livros,
fazendo amigos invisíveis em páginas que se desfaziam em pó
e cujo cheiro ainda conservo nas mãos.



(Carlos Ruiz Zafón - A sombra do vento)

. .

11 comentários:

AC disse...

As memórias da leitura nunca desaparecem, são é constantemente renovadas...

Beijo :)

rívea duarte disse...

talvez essa seja a melhor maneira de viver/crescer. viver às vezes dói!

um beijo, Suzi!

Eliete disse...

Que linda postagem. Obrigada, foi muito bom passar por aqui.beijos, Eliete

VEREDAS, por Marluce disse...

Suzy,


Esse universo que o livro nos proporciona é mágico, fascinante, inebria a alma!


Um abraço, Marluce

Denise Portes disse...

Suzi querida,
Essa é uma das frases mais lindas e sábia que já li.
Beijos com carinho
Denise

Renata Fagundes disse...

cheiro nas mãos..cores na memória

beijos cintilantes Suzi

Ni ... disse...

Livros são companheiros que abrigam todos os tipos de emoções...

Beijo daqui praí

Melbilis disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
ErikaH Azzevedo disse...

Sou euuuuuuuuuuu, sou euuuuuuuuu.
ès uma menina paz, teu cheiro de amizade mora nas pessoas, as que conseguiste conquistar.

Linda..te sopro viu.

Erikah

Ni ... disse...

Eita visitinha boa e cheia de perfume bom.
Claro que pode copiar e sei, que assim como faço nos outros rastros, sempre faz questão de dar os devidos créditos aos autores.

Sempre venho me renovar nos teus escritos.

Beijos daqui praí... aos montes...

Juuh Nascimento disse...

Ai adorei o blog, a delicadeza, os textos.. lindo lindo lindo, seguindo :))