.

.

.

15 de outubro de 2010


.

.
Não cortaremos os pulsos, ao contrário,
costuraremos com linha dupla todas as feridas abertas.



(Lygia Fagundes Telles)

.
.

4 comentários:

disse...

Linha dupla... sempre bom ter de sobra.

Pérola Anjos disse...

Nossa, que forte isso!
Linha dupla para driblar a dor e dobrar a força.

(Presentinhos pra você lá no meu canto)

Beijos!

VEREDAS, por Marluce disse...

Suzi,


Todas as nobres criaturas costuram as ferida abertas...


Que belo post!


Um abraço querido, Marluce

Nathália Thomaz disse...

Amém!
Sempre sejas assim!
Das feridas, só o aprendizado!

Buquê de sorrisos!