.

.

.

1 de julho de 2010

.



... depois estendeu o braço lentamente, como se quisesse me tocar
num lugar tão escondido e perigoso que eu não podia permitir.


(Caio F. Abreu - Uma praiazinha de areia)

.
.

3 comentários:

Isaah disse...

Que lindoo!
Perfeitoo *-*
:*

Leo disse...

Suzi, o texto é lindo....mas a imagem me tocou profundamente, tu e teus tesouros!

Te beijo e te toco.

Anônimo disse...

Tanto tentei tocar nesse lugar escondidinho,mas não me foi permitido.
Nesse lugar escondido e perigoso te guardo.
Te guardo sempre!

Marcelo