.

.

.

26 de maio de 2010





Quanto se pode amar?
Se for amor mesmo,
não cabe numa vida...
e nem na gente...


(Cáh Morandi)

.
.

2 comentários:

Leo disse...

É verdade, quando é amor mesmo
não cabe nem na gente, precisamos
deixar transbordar, dai tudo fica
com mais cor!

Mil beijos, Suzi.
por ond andas!?

Bia Carvalho disse...

Blog lindo.
Transmite tudo de bom que alguém pode ter.
E escolhes os textos muito bem.

Vou voltar, porque conseguistes um sincero sorriso meu.

Paz.